Empresário planeja plantar 300 mil mudas de caju em Sena

O empresário Mazinho Serafim, que transferiu de Sena Madureira para Manaus, AM, sua usina de beneficiamento de borracha, não desiste do Iaco.

caju_flor_do_cajuMazinho, que foi deputado estadual, e planeja pelo PMDB ser candidato a prefeito de Sena nas próximos eleições, disse a oestadoacre.com que está estudando trazer do Nordeste pelo menos 300 mil mudas de caju.

-É um negócio que vai tirar o município da dependência do contracheque do Estado e da prefeitura – aposta.

-A produção de cajú em Sena vai movimentar a economia e trazer agroindústria para a cidade. Vamos aproveitar o caju e a sua castanha – prevê Mazinho, que ainda tem em Sena uma usina de beneficiamento de castanha e chega a exportar o produto até para a Itália.

Mazinho vive na ‘ponte-aérea’ Manaus-Sena.

-Quando estou lá fico doido para estar aqui – revela.

O empresário, que criou a ExpoSena, a feira agropecuária da cidade sem o apoio do município e do Estado, promete que em 2012 o evento será maior.

-Em 2012 vamos melhorar e até ampliar o espaço. A ExpoSena já é uma realidade na cidade.

Como diria o poeta, ‘a minha felicidade é como a flor do caju que se abre no sol da manhã, sem pressa, como quem cumpre o seu papel no teatro da natureza: despojar-se ao sol, à chuva, ao vento, à lua.’