Plano de Ação da Segurança prevê RG na escola e concurso

O governador Tião Viana, recebeu nesta terça-feira, 31, do secretário da Polícia Civil (PC), Emylson Farias, o plano de ações da instituição para 2012. No documento, foram apresentados oito projetos entre os quais a criação da Delegacia Itinerante, Núcleo de Atendimento à Mulher Vítima de Violência (NAMV), RG na escola, concurso público para o quadro efetivo da Polícia Civil e o reaparelhamento da instituição.

policiaiphotoA Delegacia Itinerante é  uma ação do Governo que tem como objetivo, utilizando-se da filosofia de Polícia Comunitária, levar às comunidades os serviços da Polícia Civil para promover a sensação de segurança para todo cidadão acreano, independente do lugar que reside. Na área urbana a unidade de polícia itinerante atenderá prioritariamente os bairros com maior índice de criminalidade.

No primeiro momento serão atendidos os bairros: Base, Santa Inês, Belo Jardim, Vila Acre, Areal, Estrada do Amapá, Boa Vista, Bahia Velha, Bairro da Paz, Triangulo, Barro Vermelho, Montanhês, Caladinho e Alto Alegre, dentre outros. A ideia contempla atendimento em cinco comunidades rurais e cinco bairros.

Retorno para a população

Além da comodidade de atendimento no seu local de residência, a PC oportuniza acolhimento humanizado e aumento da sensação de segurança. Além dos serviços do dia a dia da polícia haverá o incremento de serviços como a facilidade na retirada do RG, maior aproximação e relacionamento com a comunidade. “Levar serviços públicos às áreas e comunidades mais necessitadas é nosso dever”, explica Emylson Farias.

O que é NANV?

É um núcleo que estará ligado ao Departamento de Polícia Técnico-Científica, que complementará o trabalho da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) e também irá fortalecer o Instituto Médico Legal (IML), acompanhando e dando suporte às mulheres vítimas de violência em todas as etapas dos trâmites policiais, com vistas a evitar sofrimento, angústias e revitimização.

Por outro lado, a PC promove mais humanização e qualificação do atendimento às vítimas de violência sexual, disponibilizando acompanhamento do coordenador do Núcleo. Assim, evita exposição desnecessária da vítima e reduz o impacto do crime.

RG na escola

É uma ação da Polícia Civil que visa oportunizar a confecção e entrega de carteiras de identidade em ambiente escolar e, ao mesmo tempo, aproximar a instituição da comunidade por intermédio de palestras educativas. O calendário de execução será elaborado em parceria com as Secretarias de Educação do Estado e dos municípios.

Durantes as palestras serão abordados temas relacionados ao exercício da cidadania, dicas de segurança e esclarecimentos sobre serviços oferecidos pela Polícia Civil. “É uma ação de grande impacto e de baixo custo”, avalia Emylson.

O governador Tião Viana acatou as sugestões e replicou que está autorizado o concurso público para o quadro efetivo da Polícia Civil, com vagas para diversas áreas.