Prefeitura usará coopetativa para contratar servidores

O prefeito Mano Rufino, segundo uma fonte de oestadoacre.com, assinou nesta sexta-feira, 9, o contrato com a cooperativa que venceu a licitação para administrar a contratação de servidores não efetivos (os chamados provisórios).

Com a contratação da cooperativa os provisórios passarão a ser vinculados não mais à prefeitura, o que vai fazer com que os custos da folha de pagamento da prefeitura reduzam e o município volte ao patamar que a Lei de Responsabilidade Fiscal exige.