Relatório do Depasa mostra qualidade da água distribuída em bairro da capital

O Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa) divulgou, nesta sexta-feira, 13, que nas análises das amostras de água coletadas no bairro Ilson Ribeiro, região do Calafate, não foi constatada nenhuma alteração. Foram feitas coletas em oito pontos diferentes do bairro, inclusive na rua denunciada por um site de notícias de Rio Branco.

laudodepasaO resultado da análise bacteriológica não encontrou coliformes fecais, causador de doenças, nem tampouco coliformes totais, bactérias que não causam doenças. Além disso, os índices de cloração e turbidez estão dentro dos padrões estipulados pelo Ministério da Saúde (MS).

“A portaria 2914/2011 do Ministério da Saúde diz que o valor permitido de turbidez é de até 5 uT e o mínimo de cloro residual é 0,2 mg/L. A Saúde permite ainda até 5% de coliformes totais. Na nossa água deu ausência total,” disse Filogonio Cassiano Ribeiro, chefe da Divisão de Produção e Tratamento de Água do Depasa.

CONFIRA O LAUDO COMPLETO AQUI