Encarregado da empresa que ganhou licitação do trecho Sena-Capital diz que ‘agora vai’

Um encarregado das obras de recuperação, tapa-buraco, no trecho entre o município de Sena e o Rio Branco disse hoje a oestadoacre.com  que ‘agora vai’, se referindo à retomada dos trabalhos que estavam lentos, quase parados, o que irritou o governo do estado a ponto do vice-governador César Messias afirmar em Sena Madureira (ver vídeo abaixo), durante solenidade na AgroPurus, que preferia trabalhar com as empresas acreanas do que com a de fora. A CCL é de outro estado e foi quem venceu a licitação no Dnit.

tapaburacosenaSegundo o funcionário da CCL, que pediu para não ser fotografado nem filmado, a greve no Dnit atrasou a recuperação da rodovia até Sena. Em verdade, o que atrasou mesmo teria sido o atraso em pagamento do órgão federal para a empresa. Pelo menos foi o que deixou transparecer o encarregado das obras na BR-364.

-Agora vai. Já tivemos muita pressao aqui nessa estrada – disse ele, ao ser indagado se a CCL havia recebido do Dnit.

A CCL está com 43 homens entre Sena e a capital e menos de 10 máquinas. Ainda não há acampamento da empresa na estrada, o que demonstra que os trabalhos de recuperação ainda não estão totalmente garantidos pela empresa.

-Ficaremos dois anos aqui – disse o responsável pela equipe de trabalhadores da CCL nas proximidades do Bujari.

Vídeo abaixo com o vice-governador César Messias, que defende as empresas locais para recuperar rodovias do Acre.