Exclusivo: diretor do Depasa de Sena Madureira pede demissão (governo já procura nome para assumir)

Tião Lucena, atual diretor do Depasa em Sena Madureira, enviou à direção-geral do Depasa ofício pedindo exoneração do cargo. O documento foi enviado na quarta-feira, 23. Os negócios particulares, o baixo nível das águas do Cafezal, que abastece a cidade e as constantes reclamações dos consumidores são os principais motivos da decisão de Tião Lucena, segundo explicou a oestadoacre.com

lucena-Assumi o Depasa e conseguimos melhorar o seu desempenho em Sena Madureira. Hoje nós temos uma capacidade de captação de água de 30 litros por segundo. Com as obras da nova Eta (Estação de Tratamento) passaremos a captar ao nível de 90 litros por segundo, o que resolverá o problema de Sena pelos próximos anos – disse Tião Lucena com exclusividade a oestadoacre.com

No entanto, o diretor demissionário do Depasa, faz questão de ressaltar que foi para o Depasa por convite do governador Tião Viana.

-Tenho grande consideração pelo nosso governador e só ainda não tinha saído do órgão por conta de pedido dele. Mas agora acho que chegou o momento. O Depasa toma muito meu tempo e tenho meus negócios (Tião tem duas fazendas) para cuidar. Espero que o meu pedido de demissão seja aceito – destacou.

Ruas do Povo aumentou ligações

Segundo Tião Lucena, os investimentos do Programa Estadual Ruas do Povo, a menina dos olhos do governador Tião Viana, fez com que a periferia de Sena atualmente esteja quase que completamente recebendo água tratada.

-O problema agora é a nossa capacidade para jogar água em todos esses lugares. A demanda aumentou muito. Por isso é importante as obras da nova ETA porque hoje não temos água suficiente para toda a cidade – diz Tião, que acredita que a ETA será concluída no próximo ano.

Novo nome

O governo do Estado já sonda possíveis nomes para assumir o lugar de Tião Lucena no Depasa de Sena. Ainda hoje informações sobre esse assunto.