Última de Sena: prefeito Mano vai à justiça contra ‘calúnia’

O prefeito de Sena Madureira deve ir nesta terça ao Ministério Público pedir providências contra os que denunciaram na câmara de vereadores o suposto pagamento de diárias para funcionários que já morreram. No final de semana, a edição impressa do SENA XXI publicou, com exclusividade, relatório da empresa Vance (que presta serviço ao município no tocante à folha de pagamento) negando ter havido qualquer tipo de pagamento ilegal no município.

Mano Rufino  também representará criminalmente contra seus detratores na justiça comum. A ida de Mano ao MP e à justiça deveria ter acontecido nesta segunda, mas uma viagem a Rio Branco adiou a entrada dos processos na justiça.