Empresários apostando nos gastos do Natal

A Fecomércio/AC realizou uma pesquisa com o objetivo de avaliar a movimentação do mercado de varejo no período do Natal, com 175 empresas e 150 consumidores, no período de 11 a 30 de novembro. Segundo os dados, 81% dos entrevistados estão propensos a gastos para o Natal, embora com uma redução para 76% daqueles que expressam a vontade em comprar presentes.

Os dados indicam que 51% dos consumidores contatados pretendem comprar nos estabelecimentos comerciais instalados no shopping center local. O comércio de rua tem a preferência de apenas 28%.

Com relação a vendas, 82% dos empresários do comércio se mostram otimistas para o período do Natal, notadamente com o aumento do volume de dinheiro no mercado, decorrente do pagamento do 13º salário. Apesar do otimismo quanto às vendas, existe a preocupação de 20% quanto ao endividamento da população.

Ainda 66% dos empresários acreditam contar em 2013 com um maior volume de vendas frente ao mesmo período do ano de 2012, em função de maior diversificação de mercadorias para venda (35%), assim como a possibilidade de trabalho com preços mais competitivos (21%).

Sobre a intenção do consumidor quanto ao pagamento das compras, 54% pretendem efetuar pagamentos à vista, seguidos de 32% com disposição em negociar pagamentos parcelados, sem a incidência de juros. Dos consumidores decididos a pagamentos das compras à vista, 54% devem usar dinheiro em espécie e 46%, o cartão.

Segundo os resultados da pesquisa, 21% dos consumidores devem gastar individualmente valores médios compreendidos entre R$ 81 e R$ 160 e 54% prevêem gastos entre R$ 161 e R$ 1.280. Para 76% dos consumidores, os gastos devem se concentrar nos seguintes presentes: roupas (18%), perfumes (14%) e calçados (11%).

[fecomércio AC]