Prefeito Mano vai à câmara, lê mensagem, sai para outro compromisso e irrita vereador

O prefeito Mano Rufino compareceu (vídeo abaixo) na noite de terça à Câmara de Vereadores e leu a mensagem do Executivo municipal para apenas sete dos treze vereadores da cidade presente à solenidade. Ele fez um balanço das ações em 2013, falou das expectativas para este ano e quando acabou o discurso disse que não poderia ficar porque tinha um ‘compromisso inadiável’. A atitude irritou o vereador Gerlen Diniz, que foi à tribuna depois e criticou o gesto do alcaide.

Entre os pontos mais importantes, o prefeito deu ênfase a ações na saúde, educação e na produção, suas secretarias mais destacadas, e disse que o município terá pelo menos 5,7 milhões para ‘qualificação das vias da cidade’.

União foi o substantivo mais usado pelo prefeito durante o discurso para os vereadores.

-Precisamos de união. Já passou o tempo da política do quanto pior melhor. Nenhum obstáculo vai nos parar – disse.

O vereador Gerlen citou os princípios elementares da administração pública e disse que a atual administração não cumpriu com nenhum deles.

Assista vídeo (19s) do momento em que o prefeito Mano encerra o discurso e a reação do vereador de oposição, Gerlen, que apenas ri.