Começa no Ceasa mais uma Feira do Peixe

Animados pelo grupo de forró Raízes da Terra, mais de 120 feirantes, entre expositores de piscicultura e agricultura familiar e associações de economia solidária, estavam preparados para receber o grande público acreano na 5ª edição da Feira do Peixe. A abertura oficial foi na manhã deste sábado, 12. A estrutura da Central de Abastecimento de Rio Branco (Ceasa) foi, mais uma vez, acrescida com a praça de alimentação e a tenda com os limpadores de peixe, serviço que faz sucesso com o público visitante da feira.
foto:arisonjardim

O diretor do Ceasa, Paulo Sérgio Brana, fala sobre as novidades: “Além da grande variedade de pescado e produtos locais, empresas particulares se agregaram ao evento e, hoje, chegam mais quatro carretas com produtos do Peru”.

O expositor Carlos Alberto Vieira, que cria os peixes em açude no Ramal Oco do Mundo, BR-364, em Senador Guiomard, está desde às 4 horas organizando seu estande. “Trouxemos uma tonelada de peixe. Ano passado vendemos 1200 kg, por isso trouxemos o caminhão e estamos preparados para atender ao público”, disse.

O público que chega cedo, trabalhadores e consumidores, são os principais fregueses de Irene Pereira, que há três anos participa da Feira do Peixe, trazendo o seu empreendimento, denominado “O Caipirão”. “O pessoal vai chegando e quer tomar café, por isso já estou aqui pronta! A baixaria, bolo de macaxeira, pão e tapioca , tudo caprichado”, comenta.

A moradora do Bairro Floresta, Lourdes Neves, conta que fazer compras no Ceasa faz parte da sua rotina, mas veio comprar um tambaqui para a semana santa. “Vim logo no primeiro dia, que é para evitar filas”, explica. O prefeito Marcus Alexandre ressalta: “A Ceasa já se consolidou como um espaço do produtor, um local onde encontramos aquilo que o Acre produz. Tudo fresco, sem atravessador”.