Copa Armando Moreno: Floriano vence a competição

A Copa Armando Moreno de Futebol foi disputada no campo do Florentino, contando com o apoio do governo do Estado, por meio da Lei de incentivo ao esporte e da Prefeitura de Sena Madureira. Nesta edição, a Copa foi disputada por 10 equipes de diferentes Bairros do município. A grande final aconteceu na tarde de domingo (31 de agosto) e a equipe do Floriano levou a melhor, levantando o troféu de campeã.

Com uma campanha invejável, o Floriano enfrentou na decisão a Ladeira do Dimiro. No primeiro tempo, o veterano Xim abriu o marcador para o Floriano. Mas, em seguida, Tálisson, de cabeça, deixou tudo igual: 1 x 1, placar do primeiro tempo.

Na etapa final, com gols de Miguel e Leicinho, o Floriano fez 3 x 1 e garantiu o título. “Tivemos uma belíssima competição, onde os atletas se comportaram devidamente e a torcida compareceu em grande número. Só temos é que agradecer a todos que nos ajudaram, principalmente o governo do estado e a Prefeitura de Sena Madureira”, comentou o desportista Miguel Silva, idealizador do evento.

Premiação

Desde o ano passado a Prefeitura de Sena Madureira tem sido parceira da Copa Armando Moreno. Neste ano, não foi diferente. A premiação foi garantida pelo executivo municipal.

Além de troféu e medalhas, o Floriano recebeu mil reais. Já a Ladeira do Dimiro, vice-campeã, foi agraciada com 500 reais.

“As competições aqui no campo do Florentino estão entre as mais tradicionais de Sena Madureira. A Prefeitura está realizando o campeonato da primeira divisão, no campo do Grêmio, mas não poderíamos deixar de ajudar também o pessoal daqui. Todos estão de parabéns pela organização da Copa Armando Moreno. O esporte é vida e garante, ainda, a inclusão social dos jovens, por isso, temos apoiado as competições esportivas em nossa cidade”, destacou o prefeito Mano Rufino.

“Antes, o campeonato era realizado contando apenas com a ajuda de amigos”, confirma James Ferreira

O desportista James Ferreira realizou por mais de 20 anos campeonatos no campo do Florentino. Ele relatou que muitas dificuldades eram encontradas, pois não contava com a ajuda do poder público. “Antes, o campeonato era realizado apenas com o apoio dos amigos que faziam doações de bolas pra gente e até mesmo da premiação. Agora, felizmente estamos contando com a ajuda do poder público”, ressaltou.

(divulgação psm)