Ministros da área econômica dão entrevista (mas a reeleita foi Dilma)

Autor: Paulo Henrique Amorim, Caf
charge: Bessinha

A coletiva dos ministros da área econômica deixou claro como o sol da manhã em Brasília que Levy, Barbosa e Tombini estão unidos em torno do princípio que informou a fabulosa reeleição: sem desemprego e sem arrocho.

Eles deixaram claro que não haverá:

– medidas bruscas;

– sustos;

– quebra da regra do jogo;

– vao trabalhar num horizonte de TRÊS anos – quando a Globo já terá sido vendida ao filho do Murdoch;

– a Economia não está em crise e não precisa de um choque por sufocamento;

– as medidas serão tomadas de acordo com a proposta do Orçamento 2015;

– Barbosa cuidará do PAC, das PPPs e do MCMV, ou seja do emprego na veia;

– Levy não é de dar trela nem se assustar com repórteres de Brasília que se acham …;

– Dilma deu à reunião a sua rotineira e ritualistica dimensão – nem apareceu.

Quem se elegeu foi ela.

Um dia o Aecioporto se acostuma a isso.

Demora, mas passa.

Nem que a vaca tussa !

Paulo Henrique Amorim

Em tempo: fez bem o Ministro Trauman. Distribuir o texto lido, sortear entrevistadores e limitar em seis perguntas. Aquilo ali é para apresentar os ministros ao povo. E não as repórteres de Brasília ao Carlos Schroeder … Podia era limitar a uma pergunta por repórter. A da Reuters deu o golpe do João sem braço …

Em tempo2: A Fazenda é mole. Quero ver o Ministro das Comunicações ..