Eleição no principado: noite de fogos de artifícios…

cascata-fp
Cascata e pirotecnia no palanque do 40

Fui ver a disputa de luzes no céu que Sena Madureira protagonizou na noite de ayer na disputa por votos entre o 15 do PMDB e o 40 do PSB.

Parecia virada de ano, quando o poder público patrocina foguetório para anunciar o ano que está nascendo.

Teve de tudo no principado ontem. Vamos lá:

A cidade se dividiu em 15 e em 40.

No visual o 15 de Mazinho pôs mais gente.

A diferença foi quase imperceptível.

O público de um lado e do outro ficou indo e vindo entre os dois palanques…

‘Vigiando…’

Por isso é arriscado falar em vantagem concreta para um ou para o outro.

Os adversários acusam que o 15 usou vários ônibus para levar pessoas.

Eu vi os supostos ônibus do 15.

Isso é da política.

Não vejo problema nisso.

O 40 de Mano alega que a mobilização para o comício foi de horas apenas e que o 40 passou a semana pregando o seu evento.

Constatação: nesta campanha o 15 tá dando demonstração de mais competência em relação às mobilizações.

(Acrescento: num comício importante como o de ontem a mobilização não pode ser de apenas um dia.)

Ressalto: a entrada de Charlene na campanha do Mazinho tá fazendo a diferença.

Mazinho está sabendo aproveitar a sua Charlene.

Charlene é o blush (com conteúdo) da campanha.

Por quê Mano ainda não aproveitou como deveria ‘o seu blush e a sua Charlene?’

Respondo: porque falta quem elabore e pense a campanha…uma equipe que enxergue além do que está diante do nariz.

E isso a Frente Popular tem dificuldade em Sena Madureira.

Voluntarismo é importante, mas sozinho não vence eleição.

Campanha eleitoral é imagem…recado/mensagem, esperança!


Continuo analisando
no próximo post para não fatigar o leitor deste blog.

 

J R Braña B.