GladsonC viu o Papa: A igreja de Francisco é a mesma de Dom Joaquín?

Senador GladsonC e dom joaquín

O senador e provável candidato ao governo do Acre pelo PP/PSDB/PMDB/DEM, GladsonC, foi ver o Papa em Puerto Maldonado (Peru) e encontrou com o bispo Dom Joaquim, do Acre.

GladsonC elogiou a intervenção do Papa Francisco, que ouviu e deu ressonância às queixas dos povos indígenas (desmatamento e exploração de toda ordem da região amazônica peruana, com permissão de seus governos – por empresas multinacionais).

GladsonC:

O Papa Francisco apresentou ao mundo um debate ambiental de apelo muito forte em defesa dos povos originários da Amazônia. Alegre, motivado, ele continua dando exemplo de muita humilde, e emocionou a todos nós durante sua permanência em Puerto Maldonado

Durante nossa viagem pela transoceânica, observamos muitas frentes madeireiras misturadas a pequenos povoados. Isso é preocupante. O Papa Francisco tem razão quando fala que essa região corre perigo, pois assistimos a fortes apelos dos representantes de mais de 350 comunidades, entre eles, representantes do Acre e Rondônia.

A decisão do Papa Francisco de fazer esse encontro na região peruana é um gesto significativo. Tenho absoluta certeza de que o forte apelo do sacerdote será um divisor de águas para a preservação do meio ambiente e dos intercâmbios culturais. Como disse Francisco, todo esforço pela vida na Amazônia é pouco.

GladsonC acertou em ir ao evento religioso e político do Papa Francisco…

Porém…A pergunta que vem na minha cabeça, nesta manhã de sábado, de algum lugar de Pindorama, é se a igreja defendida pelo Francisco peronista/socialista/comunista é a mesma do bispo do Acre?

(J R Braña B.)

(editado by Maria Lúcia)

Antes publicamos…: