Cursos da Ufac começam em abril em Sena

Cursos da Ufac começam em abril em Sena

Não é bem o que a cidade precisa (História e Geografia), porém menos mal que a Ufac vai recomeçar a existir em Sena Madureira.

Poderiam ser os cursos de agronomia, engenharia…ajudariam mais o município.

Bem, em abril começam as aulas.

J R Braña B.

 

Enviado pela assessoria

Aulas dos cursos de História e Geografia da UFAC deverão começar no mês de abril 

ufac sena
Prefeito Mano (E) com o representante da Ufac, José Alves, e Valcione Rocha, do núcleo de Sena

 

O prefeito Mano Rufino recebeu na manhã de hoje a visita do Diretor de Apoio à Interiorização e programas especiais da UFAC, professor José Alves com quem tratou alguns detalhes sobre os cursos de História e Geografia que estão sendo implantados no município. Pela projeção da Ufac, as aulas deverão começar no mês de abril já que no dia 13 de março será divulgado o resultado final do processo seletivo com os nomes dos 100 alunos que ingressarão nos cursos.

Além de falar sobre este assunto, o professor José Alves ateve-se ainda ao trabalho de reforma que foi realizado no núcleo da Ufac em Sena, cuja inauguração também deverá ocorrer no mês de abril.

(…)

-O professor José Alves nos repassou hoje uma excelente informação. Ganha com isso, a nossa comunidade, principalmente os nossos estudantes, já que muitos deles não tem condições de ir para Rio Branco cursar uma faculdade. A implantação dos cursos foi uma luta que envolveu muitas pessoas. Por isso, agradecemos o governo do estado, a parceria com a Ufac, ex-deputado Henrique Afonso, enfim, todos que se empenharam nesse propósito. Vamos continuar lutando para que outros cursos sejam implantados”, comentou o prefeito.

(…)

100 VAGAS 

Os cursos de nível superior História e Geografia disponibilizam 100 vagas, sendo 50 vagas em cada um. O processo seletivo – uma espécie de Vestibular já foi realizado e o resultado da primeira etapa divulgado oficialmente. Agora, resta o resultado da segunda etapa (a nota da redação) para que as vagas sejam definidas.

(…)

O curso está sendo possível graças ao apoio do ex-deputado federal Henrique Afonso, que destinou 1,5 milhão para que a Universidade Federal levasse os cursos para o município.

(..)

As aulas do curso de Geografia serão realizadas no período da manhã. Já o curso de história será aplicado no período noturno.