Depasa: câmeras para monitorar subestação de energia (Rio Acre, 18,39m)

Nível do Rio Acre às 23h de quarta marcava 18,39…um recuo de 1cm em relação às últimas quatro horas.

Agana
Jaqueline Teles

Depois da mureta de concreto, construída para impedir que a água alcance os transformadores da captação da estação de tratamento de água (ETA-2), o Departamento Estadual de Pavimentação e Saneamento (Depasa) instala câmeras para monitorar o nível da água dentro da captação.

Outra medida tomada nesta quarta-feira, 4, foi colocar bombas de sucção automática para retirar a água de dentro da casa de máquinas.

“Nosso objetivo é evitar o trânsito de pessoas próximo à subestação. O rio continua enchendo e aumenta o risco de uma descarga elétrica. Vamos monitorar pelas câmeras”, afirmou Edvaldo Magalhães, diretor-presidente do Depasa.

Ontem à tarde, o diretor-presidente da Eletrobras Distribuição Acre, Joaquim Rolim, acompanhado de engenheiros eletricistas, esteve com Edvaldo Magalhães averiguando a parte elétrica da unidade, e recomendou as medidas.

Depasa_agua