Acre unido consegue 300 milhões para economia (Dilma dá ordem e o BNDES libera)

É.

Aos poucos o Acre e o Brasil vão voltando ao normal.

O pacote de Dilma para infraestrutura será de 150 bilhões.

O pacote do Acre, 300 milhões, agora.

Assim as águas baixam de verdade.

J R Braña B.

 

AgGov

Governo anuncia liberação de até R$ 300 mi para afetados por enchente

bndes

 

O governador Tião Viana e o prefeito de Rio Branco, Marcus Alexandre, concederam entrevista coletiva na Casa Civil nesta quinta-feira, 30, para anunciar novas medidas para a retomada das atividades econômicas nas cidades afetadas pela enchente do Rio Acre este ano.

(…)

A medida aponta um crédito de até R$ 300 milhões, disponível para o Acre, por meio do Programa BNDES Emergencial de Reconstrução de Municípios Afetados por Desastres Naturais (BNDES PER), do governo federal. A linha de crédito visa ajudar as empresas que sofreram perdas durante a enchente para a retomada de suas atividades econômicas.

“Cada empresa tem um crédito com limite de até R$ 5 milhões, tendo dois anos de carência e dez anos para ser feito o pagamento do empréstimo”, detalhou Tião Viana. O governador frisou que essas medidas são resultados da intervenção do governo e da prefeitura de Rio Branco, com o apoio de diversos setores da sociedade e bancada federal.

Tião Viana ressaltou que o crédito é mais do que os empresários pediram durante o período agudo da crise e mais do que a expectativa apresentada pelo governo e pela prefeitura.

“Nós agradecemos ao governo federal por essa oportunidade para a economia do Acre”, frisou.

(…)