Ex Petrobras irritou Bolsonaro ao usar máscara em reunião

globolauro

Para Bolsonaro, cumprir protocolos de segurança anti-covid é ‘palhaçada‘.

Lauro Jardim, OGlobo

lauro
Roberto Castello Branco | Marcelo Camargo / Agência Brasil

Alguns detalhes da reunião que, no dia 5 de fevereiro, juntou Jair Bolsonaro, Roberto Castello Branco e os ministros Paulo Guedes, Tarcísio de Freitas, Braga Netto e Bento Albuquerque contaram pontos para que, pelos motivos errados, o capitão resolvesse ejetar o presidente da Petrobras de sua cadeira.

O encontro estava marcado para que Castello Branco explicasse a razão dos reajustes do diesel, como antecipara Bolsonaro numa live na véspera.

O presidente da Petrobras entrou e permaneceu no gabinete presidencial com as precauções devidas a uma pessoa de 76 anos: usava máscara N95 e óculos de proteção.

Cumprimentou a todos, mas não com aperto de mãos e abraços, como fez o resto da turma.

Foi o bastante para que o já irritado Bolsonaro praticamente perdesse a paciência.

Para ele, cumprir protocolos de segurança é uma palhaçada — no recinto apenas Guedes usava máscara, mas a tirava ao falar, ao contrário do presidente da Petrobras.

Na reunião, chegaram a perguntar a Castello Branco por que ele fora “vestido de astronauta” ao palácio.

Em tempo: lembrem  e vejam que o MBittar, do Acre(?) não corre esse risco (irritar o chefe)…aqui na foto abaixo, o governador GladsonC usa máscara, mas o senador do MDB e seu presidente, não…

sobrevoo

Vídeo: