Governo pede ao BNDES R$ 276 mi para saneamento em 16 municípios

Governo pede ao BNDES R$ 276 mi para saneamento em 16 municípios

O governador Tião Viana entregou na manhã de sexta-feira, 13, a carta-consulta ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para investimentos de R$ 267 milhões em saneamento ambiental integrado em 16 municípios do interior do Acre.  

capathumb_2222DSC_0140O documento foi entregue ao superintendente da área de infraestrutura social do BNDES, Ricardo Ramos, que estava acompanhado de outros dirigentes da instituição. A meta do governo é atender com captação e tratamento de água 28.663 domicílios, beneficiando aproximadamente 115 mil pessoas. O esgotamento sanitário deve chegar a 34.838 domicílios e ate nder 140 mil pessoas.  

A ampliação da cobertura do saneamento integrado irá reduzir o número de doenças causadas pela poluição de água e solo. O objetivo é ampliar o índice de atendimento urbano de coleta e tratamento de esgoto de 20% para 70%, em Rio Branco, e de 0% para 90% no interior do Estado. Quanto ao fornecimento de água na área urbana, a expectativa é elevar de 60% para 95% o índice de atendimento.  

“Queremos chegar em 2014 como referência no serviço de saneamento, esgoto e abastecimento de água. Esses são determinantes sociais apontados pela Organização Mundial de Saúde. Para mim, essa não é uma questão política, mas uma opção de vida”, afirmou Tião Viana.