1,3 toneladas de maconha apreendida pela polícia na BR-364

1,3 toneladas de maconha apreendida pela polícia na BR-364

Operação integrada dos serviços de inteligência da Polícia Civil e Polícia Federal apreendeu 1,3 mil quilos de maconha. A droga estava armazenada em uma carreta com placa de Rio Branco carregamento de macarrão que iria abastecer uma grande empresa atacadista da cidade. O motorista José Lourenço, do Mato Grosso, foi preso em flagrante.

Apreensode-Drogas---FNão há informações detalhadas sobre a operação conjunta entre as polícias. A carreta que transportava a droga com placa NAA 8359 ficou parada no quilômetro 9 da BR-364, na altura da entrada da Embrapa. O veículo ficou parado mais de uma hora no acostamento.

Há suspeita de que o motorista tenha adulterado uma parte da estrutura da carreta, o que justifica o demorado trabalho de mecânicos acionados pela polícia. A presença dos policiais chamou atenção dos moradores da região. O trânsito naquela altura da BR 364 ficou lento, o que normalmente não ocorre.

A polícia trabalha com a hipótese de que a carga apreendida ontem tenha sido embarcada em Porto Velho, embora tenha procedência paraguaia.

Essa é a segunda apreensão que o serviço integrado de inteligência realiza em menos de um mês. No dia 3 de agosto, 184 quilos de maconha foram apreendidos na Baixada do Sol, periferia de Rio Branco.

“Essa entrada de droga paraguaia no Acre sempre ocorreu”, relata uma fonte da polícia. “A diferença agora é que o serviço integrado de inteligência está tendo condições de rastrear com precisão a rota do tráfico para essa região”.