O lixão dos urubus é o primeiro grande problema de Mano em Sena

O lixão dos urubus é o primeiro grande problema de Mano em Sena

O lixão municipal localizado na entrada do município de Sena ainda é considerado um dos graves problemas ambientais da cidade.É uma imagem desoladora, ambientalmente condenável e o pior: interfere no dia-a-dia das famílias que residem em suas proximidades.

lixaodosurubusNa gestão passada foi iniciado um projeto para a implantação do novo Aterro Sanitário. No entanto, uma equipe de profissionais do Imac esteve em Sena Madureira e realizou um estudo no local do novo aterro, que fica em uma ‘manga’ da estrada Mário Lobão (Segundo Distrito). Após o relatório emitido, o Imac não liberou a licença da obra. O pepino caiu no colo do novo prefeito Mano Rufino.

[foto: assessoria: secretários de Meio Ambiente e de Obras do município] – no lixão atual.

Na  quinta-feira (10), o secretário municipal de meio ambiente, Astério Vieira, realizou visitas ao atual lixão e também ao local do novo aterro sanitário. Ele estava acompanhado do secretário municipal de obras, Adevaldo Rodrigues, o “Dé”.

De acordo com Astério, a desativação do lixão é uma das prioridades do prefeito Mano Rufino. “Só poderemos realizar alguma atividade no terreno do novo aterro sanitário quando estivermos com essa licença em mãos. A pedido do prefeito estamos buscando sanar o que o Imac julgou impróprio para conseguirmos essa liberação”, frisou.

‘Coleta seletiva

Com a implantação do novo aterro sanitário a prefeitura pretende colocar em funcionamento o projeto denominado “Coleta seletiva”, por meio do qual será separado o lixo que poderá ser reciclado. “O novo aterro sanitário não servirá somente para receber o lixo, mas também para desenvolver esse projeto que será de grande importância”, detalhou.

Através de um convênio com a Funasa, a prefeitura de Sena Madureira já dispõe de parte desse recurso para aplicar na obra.