PT orienta seus ex-prefeitos a entrar na justiça contra ‘calúnias’ de adversários

Na última semana o ex-prefeito de Porto Acre, Zé Maria, foi vitima de uma série de denúncias que sugeriam que o gestor tinha deixado os cofres vazios e atrasado o salário de servidores. Segundo o presidente do PT, Léo Brito, Zé Maria tem todos os documentos que comprovam que o pagamento foi feito em dia e que todos os empenhos da prefeitura foram feitos de maneira legal restando recursos em caixa.

leobrito“Os prefeitos que estão assumindo vão sentir na pele o que é administrar uma prefeitura em tempos de crise, a direção do PT recomenda aos prefeitos atingidos em suas honras com mentiras que entrem na justiça para repor a verdade e resguardar sua moral”. Disse Léo de Brito, presidente regional do PT.

[foto: facebook do Leo]

Em Tarauacá o novo prefeito Rodrigo Damasceno (PT) luta pela adimplência do município e para acabar com o inchaço dos cargos criados pela antiga prefeita da oposição, condenada recentemente pelo Tribunal de Contas.  Em Feijó, o prefeito, Merla Albuquerque (PT), tem que lidar com buracos por toda a cidade. Durante a administração do PSDB a cidade foi sucateada e entregue a nova gestão repleta de crateras tão grandes que inviabilizam o tráfego  em várias vias, o ex-prefeito tucano tem problemas com o Tribunal de Contas e protagonizou vários escândalos.

Através do facebook, o deputado federal Márcio Bittar (PSDB), disse que os petistas precisam pedir desculpas por suas gestões. O presidente regional do PT no Acre, Léo de Brito, foi firme ao rebater as críticas do oposicionista:

“Sabemos que eventuais erros cometidos por prefeitos petistas devem ser apurados com rigor, mas isso não exime a responsabilidade dos sucessores de cumprir as promessas, muitas delas mirabolantes, que fizeram durante as campanhas. Márcio Bittar não consegue enxergar os desmandos praticados em prefeituras do PSDB e da oposição, mas ataca o PT, pois já iniciou sua campanha a governador em 2014”.