A prefeitura sobe o rio para encontrar o povo nas comunidades

A prefeitura sobe o rio para encontrar o povo nas comunidades

A comunidade Lua Nova, localizada no rio Macauã, há cerca de três de voadeira do porto de Sena Madureira, sediou no último sábado (23) um grande evento promovido pela prefeitura de Sena, através da secretaria municipal de Produção.

macauObjetivando o fortalecimento do setor rural, a atividade ocorrida na casa do trabalhador rural Raimundo Coelho (comunidade Lua Nova), contou ainda com a presença das principais lideranças do rio Macauã: Lauro Lima (comunidade São Bento), Sônia Chaves (comunidade Liberdade), Jerônimo Ferreira (comunidade Providência), Raimundo Paulino, o ‘Diquinho’ (seringal Capital), Milton de Souza (comunidade Santo Antônio), Edimilson Ramalho (comunidade São Sebastião), Francisco Francalino (Associação Apuí dos Francalinos), Sebastião Freitas (Evangelista do rio Macauâ) e o senhor Raimundo Coelho (comunidade Lua Nova).

Durante o encontro foi aberto o espaço para que os moradores repassassem às autoridades presentes suas principais demandas. Entre as quais foram solicitadas: A construção de uma unidade de saúde na referida área, implantação de uma Casa de Farinha, realização de campeonatos de futebol, Implantação de uma sessão eleitoral, aplicação de cursos de corte e costura para as mulheres, envio de peladeiras de arroz e a reabertura em tempo hábil dos ramais.

“Precisamos sair do gabinete e ouvir de perto os moradores”, diz Mano Rufino

macau1Há dois meses á frente da administração da terceira maior cidade do Acre, o prefeito Mano Rufino (PR) disse ter ficado satisfeito com o desfecho da reunião e que buscará cada vez mais essa aproximação com os moradores, constatando a viva-voz os reclames de cada comunidade. “Estamos tendo a preocupação de ir às comunidades, ouvir os moradores. Não queremos vender a ilusão de que tudo será resolvido de imediato, mas temos a certeza de que ouvindo os moradores, suas necessidades, poderemos fazer melhor nosso planejamento”, comentou.

Mano enfatizou que todas as demandas apresentadas foram anotadas e que as mesmas serão atendidas dentro das possibilidades da prefeitura. “As reivindicações dos moradores são legítimas. Aqui reafirmamos nosso compromisso com o setor rural e não mediremos esforços para que os benefícios cheguem a quem mais precisa”, frisou.

Unidade de saúde e ramais

Em relação à implantação de uma unidade de saúde na comunidade Lua Nova, Mano Rufino repassou aos moradores que estará lutando para que esse sonho se realize. “Nos próximos dias quatro unidades de saúde começarão a serem construídas na zona rural. a comunidade Lua Nova não está inserida nesse primeiro momento, mas iremos em busca de recursos para tal obra”, adiantou.

O trabalho de reabertura e manutenção dos ramais é outro grande desafio da administração. Segundo o prefeito, a parceria será renovada com o governo do estado para contemplar o maior número de moradores possível.

“Só tinha visto político aqui em época de campanha”, relata trabalhador rural

Os moradores do rio Macauã demonstraram muita alegria com a presença do prefeito Mano Rufino e demais representantes dos setores ligados ao homem do campo. “Aqui a gente só costuma ver político em época de campanha, pedindo votos. É muito importante essa atitude do prefeito de vir aqui conhecer nossa realidade e ouvir nossos pedidos”, disse o senhor Raimundo Coelho, representante da comunidade Lua Nova.

O secretário municipal de produção, Jairo Cassiano, informou que esse tipo de ação não será restrita apenas ao rio Macauã. “Esse calendário irá se estender também aos rios Iaco, Caeté e Purus. No verão, estaremos nos reunindo nos ramais, pois precisamos ouvir o povo de forma organizada. Tenho muita fé de que até o final do mandato do prefeito Mano teremos uma zona rural bem mais fortalecida”, discorreu.