Governo vai abrir concurso para contratação de profissionais de saúde

Governo vai abrir concurso para contratação de profissionais de saúde

Humanizar o profissional, qualificar a assistência e ampliar o acesso aos serviços de saúde no Acre são alguns dos compromissos do govenador Tião Viana com a população do Estado. Para garantir mais agilidade e resolutividade nos serviços de saúde, será lançado o concurso para a contratação permanente de profissionais médicos, no qual serão oferecidas 291 vagas.

concursocapaestaagoraAs vagas serão destinadas aos 22 municípios do Estado e contemplam aproximadamente 46 especialidades. As contratações deverão atender à demanda de pessoal, gerada pela ampliação de novos serviços, fortalecimento da atenção básica, da média e alta complexidade. Áreas médicas como cirurgião geral, clínica médica, ginecologia e obstetrícia e pediatria são algumas das que detêm o maior número de vagas.

Segundo o secretário adjunto de Atenção à Saúde, José Amsterdam Sandres, edital do concurso está previsto para a segunda quinzena de maio, e as provas ocorrerão no mês de junho, com a homologação para o início de agosto. Os cargos não possuem diferenciação de remuneração por especialidade. Após a comissão do quadro de vagas, será nomeada a comissão para elaboração do edital.

Amsterdam informa ainda que a comissão terá representantes de todos os sindicatos vinculados à saúde, dos gerentes das unidades e de assistência, representantes da Secretaria de Gestão Administrativa (SGA) e equipe técnica da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre).

As questões das provas serão elaboradas de acordo com cada especialidade. Além disso, haverá seleção por meio de apresentação de título. A carga horária de trabalho será 30 horas semanais e pode ocorrer extensão para 40 horas.

Nesse edital também serão disponibilizadas vagas para profissionais de níveis médio e superior. “A comissão está fazendo um levantamento das necessidades, pois há um número maior de vagas para outras áreas da saúde. Após esse levantamento saberemos quais as áreas com maior necessidade de profissionais”, informa Amsterdam.