Ex-governador Binho Marques liga para governador Tião Viana e presta solidariedade

Ex-governador Binho Marques liga para governador Tião Viana e presta solidariedade

Solidário – Ex-governador Binho Marques ligou ao governador Tião Viana e ao senador Jorge Viana para prestar solidariedade ao Acre. Binho se colocou à disposição do governo para ajudar no que for preciso. Leia a coluna política completa do jornal Página 20.

binhoJustiça e transparência – A solidariedade de Binho Marques é extensiva ao Partido dos Trabalhadores e à Frente Popular, cujas ações na última década foram fundamentais para a criação de um Estado mais justo e transparente.
Manutenção

Ao contrário do amigo e correligionário Tarso Genro, governador do Rio Grande do Sul, Tião Viana resolveu manter no cargo os acusados na Operação G7, da Polícia Federal.

Operação Concutare

No dia 29 de abril, o secretário de Meio Ambiente do Rio Grande do Sul, Carlos Fernando Niedersberg, foi uma das 16 pessoas presas pela Operação Concutare da Polícia Federal. Após sua prisão, viu-se exonerado por Genro.

No Acre

No Estado, até prova em contrário, diz um assessor do governo, todos os envolvidos com cadeira no governo serão tratados como inocentes. Respeita-se, assim, a chamada presunção de inocência.

Só se confirmadas

Caso sejam confirmadas as denúncias, porém, os envolvidos serão penalizados administrativamente pelo governador. As penalidades legais caberão, claro, à justiça.

Inquérito indigente

A decisão de manter no cargo os envolvidos baseia-se, segundo o assessor do governo, na indigência do inquérito policial.

Depondo contra

E a espetacularização das prisões dos acusados depõe, segundo a fonte da coluna, contra o que deveria ser uma ação imparcial da polícia.

Desfile

A maior reclamação de um dos detidos na Operação G7 foi o desfile, a 30 Km por hora, dos veículos da Polícia Federal, quando todos estamos acostumados a ver os carros da PF a ponto de alçar voos em casos semelhantes.
Exibição desnecessária

Os agentes federais, todos de fora, faziam questão de exibir os detidos como troféus de sua suposta ação anticorrupção.

Preocupação maior

A preocupação maior do governador Tião Viana, por hora, é manter a continuidade dos programas sociais que beneficiam a população de todo o Estado, disse um assessor do governo.

Esclarecimento

“Quanto às denúncias, elas serão devidamente esclarecidas, para o bem de todos”, completou.

Perigo do oportunismo

Mas o PCdoB, em nota à imprensa, chama a atenção para o perigo do uso político que a operação da Polícia Federal pode adquirir nas mãos dos oportunistas.
Em campo aberto

“O PCdoB reitera que lutará em campo aberto pelas conquistas éticas, sociais e econômicas da Frente Popular, que construiu um novo Acre, mais moderno, mais justo e mais desenvolvido”.

Luta pela dignidade

Segundo ainda a nota do PCdoB, “o governador Tião Viana tem se destacado por conduzir programas de largo alcance social, que alteram a estrutura nas áreas rurais, viabilizam a economia acreana, diminuindo a dependência de recursos federais, e atuam em regiões pobres, garantindo dignidade para os acreanos mais humildes, como o Ruas do Povo”.

Manifesto dos pequenos

O pequeno PHS, recém-ingresso na FPA, também emitiu ontem nota à imprensa, em defesa do governador Tião Viana.

Certeza

Segundo a executiva regional do partido, “a ilibada trajetória política do atual governador corrobora para a certeza de que quaisquer deslizes éticos na administração terão tratamento rigoroso em defesa dos bens públicos”.

Convergência

Tanto o PCdoB quanto o PHS ressaltaram os avanços do atual governo e seu impacto positivo sobre a vida de dezenas de milhares de acreanos.

Reunião às pressas

Mais de 40 pessoas ligadas à oposição, entre elas o candidato derrotado à prefeitura de Rio Branco pelo PSDB, Tião Bocalom, estavam reunidas ontem em uma residência no Parque da Maternidade.

Conluio politiqueiro

O objetivo do conluio é tirar o máximo de proveito possível do momento crítico pelo qual passa o governo.

Discernimento

Os adversários do governo podem esquecer, porém, os benefícios politiqueiros da crise. A população sabe muito bem discernir quem é quem na política do Acre.

Agradecimento dos Cameli

Jornal Página 20 recebeu ontem um texto de agradecimento pela divulgação dos fatos envolvendo a morte do ex-governador Orleir Cameli.

Momento difícil

“A Família Cameli vem a público agradecer as manifestações de solidariedades dos acreanos durante o difícil momento de dor e sofrimento pelo falecimento do ex-governador Orleir Cameli”, diz a nota.

Às claras

“O amor manifestado por pessoas de todas as classes sociais, autoridades e os meios de comunicação do Estado sensibilizaram e proporcionaram o conforto dessa perda irreparável à nossa família”, acrescenta.

Trajetória histórica

“A trajetória de Orleir Cameli ficará para sempre na memória e no coração da nossa família e gravada na história do nosso Estado”, concluem os familiares de Orleir.

Tranquilo

Governador Tião Viana mantém-se tranquilo neste momento de turbulência em seu governo.

Propósitos e lealdade

Segundo assessor próximo, sua tranquilidade decorre da ciência dos seus propósitos de trabalhar por um Acre melhor e do consolo de ver o quanto os aliados têm sido leais neste momento.