Senador gaúcho indica Tião Viana para a Comenda de Direitos Humanos

Durante sessão nesta segunda-feira, 12, no Senado Federal, o senador Paulo Paim (PT-RS) disse que vai indicar o nome do governador Tião Viana para receber a Comenda de Direitos Humanos Dom Hélder Câmara. Paim explica estar feliz com o trabalho de articulação para que os imigrantes que chegam ao Acre sejam absorvidos pelo mercado brasileiro.

“Fiquei feliz de ver que os empresários brasileiros, pelo trabalho articulado que o governador Tião deve ter feito, estão contratando essa moçada que quer trabalhar. Tião Viana, no mínimo, deve estar na lista do Troféu Dom Hélder Câmara”, comentou Paim.

A comenda foi criada em 2010 e é destinada a homenagear cinco personalidades que contribuíram para a defesa dos direitos humanos no Brasil. Atualmente o conselho da comenda é presidido por Paim.

O pronunciamento do parlamentar foi feito durante a sessão plenária, quando o senador Jorge Viana retomou as discussões sobre a chegada de imigrantes ao Brasil. Viana lembrou a acolhida que o Acre tem oferecido aos imigrantes desde 2010.

“O Acre já gastou mais de R$ 4 milhões com alimentação e saúde”, disse o senador acreano, lembrando ainda o trabalho do servidor Damião Borges, que se dedica desde 2010 aos primeiros atendimentos com os imigrantes em Brasileia.

Em uma outra sessão, o senador Ricardo Ferraço, presidente da Comissão de Relações Exteriores, também manifestou preocupação a respeito do assunto e reforçou a necessidade de o Brasil se organizar o quanto antes e, de forma emergencial, estruturar uma política para acolhimento dos imigrantes. O senador também lembrou da tradição do nosso país ser acolhedor. Atitude que já vem sendo feita pelo Acre.

[agana]