Protesto e fechamento de ponte em Sena vira 3º Turno das eleições

Protesto e fechamento de ponte em Sena vira 3º Turno das eleições

Um protesto dos chamados toyoteiros, nesta manhã de sexta, na entrada da ponte que dá acesso ao município de Sena Madureira teve todos os contornos políticos de quem quer encontrar um meio de tentar um 3º Turno para as eleições onde o vencedor no Acre – e no Brasil – foi o PT.

O Código de Trânsito Brasileiro, aprovado no Congresso Nacional, portanto, uma Lei Federal, estabelece que nenhum passageiro pode viajar sem usar o cinto de segurança.

[De acordo com o Código de Trânsito Brasileiro, o transporte de passageiros em compartimento de carga só é permitido em casos muito específicos, e com permissão da autoridade competente, na forma estabelecida pelo Conselho Nacional de Trânsito (Contran). Os veículos destinados ao transporte de carga podem levar no máximo duas pessoas na cabine, além do condutor]

O Ministério Público em Sena Madureira proibiu de forma correta o transporte ilegal e os toyoteiros decidiram por fechar a entrada da cidade em protesto.

toyoteiros sena

Somente depois de intervenção do presidente do PT local, vereador Cleyton Brandão, que agendou uma reunião para discutir o problema (quarta, 9h, no Centro Cultural) é que os motoristas das toyotas repensaram a atitude e decidiram encerrar o bloqueio da rodovia federal.

-Vamos reunir na quarta os motoristas, o Detran, a Polícia Rodoviária Federal, o MP e um representante do governo para achar uma solução para o problema – disse Cleyton, que condenou o uso político do protesto dos toyoteiros.

-Os políticos da Oposição aqui em Sena querem criticar o governo do Estado incentivando o desrespeito a uma Lei que é para o Brasil todo, que é a proibição de transportar passageiros sem o uso devido do cinto de segurança. Não é dessa forma que ajudamos os setores com demandas a resolverem seus problemas.  A solução é conversar para encontrar a solução – ressaltou o vereador.