Dilma não decretou luto oficial pela morte de brasileiro na Indonésia

Dilma não decretou luto oficial pela morte de brasileiro na Indonésia

Contra as mentiras, governo explica que não decretou Luto Oficial pela morte do brasileiro na Indonésia –

J R Braña B.


Do Palácio do Planalto

Ao contrário do vem sendo divulgado nas redes sociais, a presidenta Dilma Rousseff não decretou luto de três dias pelo falecimento do brasileiro Marco Archer, condenado à pena de morte na Indonésia. Também não é verdadeira foto que circula na internet com a bandeira do Brasil no Palácio do Planalto a meio mastro.

No dia da execução do brasileiro, Dilma lamentou a morte de Marco Archer e se manifestou indignada com a pena imposta pela justiça da Indonésia. Mesmo consciente da gravidade do crime que levaram à condenação do brasileiro, a presidenta ainda dirigiu, pessoalmente, um apelo humanitário ao presidente indonésio, Joko Widodo, pela clemência do réu. No entanto, o pedido não foi acolhido.