62% dos créditos em investimentos no Acre são do Basa (imagina se o Estado fizesse parte da diretoria)

62% dos créditos em investimentos no Acre são do Basa (imagina se o Estado fizesse parte da diretoria)

Sim.

O Acre não tem sequer um representante na diretoria executiva do Banco da Amazônia.

Já teve.

E era muito melhor para o estado quando tinha.

Chegou a ter o presidente: Mâncio Cordeiro.

Bem atrás teve a Flora Valadares…

E isso (um representante do AC na diretoria) tem um peso enorme nas decisões e na divisão do bolo para os estados.

Pará e Amazonas papam quase tudo.

Porque mandam no Banco, que é federal.

J R Braña B. – 

 

Divulgação

O Banco da Amazônia participou da primeira etapa do projeto Sudam Itinerante realizada nesta sexta-feira (16), na Federação das Indústrias do Estado do Acre (FIEAC). Além de divulgar as atrações de investimentos existentes na Amazônia e levar as políticas públicas do governo Federal aos Estados menos desenvolvidos, o evento teve por objetivo realizar uma espécie de prestação de contas com a sociedade e buscar mais investimentos da classe empresarial local.

Durante o encontro, o superintendente regional do banco da Amazônia, José Roberto da Costa, apresentou os principais seguimentos produtivos que a instituição tem atendido na região Norte, em especial no Estado do Acre, com destaque para as áreas da Agricultura Familiar, Pecuária, Comércios e Serviços, Educação, Agronegócio, Indústrias, Infraestrutura, Pesca e Piscicultura, Reflorestamento, Turismo e Saúde.

Essas áreas foram beneficiadas, dentre outras fontes, com recursos do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO), Fundo de Amparo ao Trabalhador (FAT), Fundo da Marinha Mercante (FMM), Fundo de Desenvolvimento da Amazônia (FDA) e recursos próprios da instituição.

“No Acre, representamos 14% das agências bancárias existentes, além de termos uma participação na área de fomento que representa 62,06% dos créditos disponibilizados no mercado, o que demonstra nossa importância estratégica para o desenvolvimento do Estado”, ressaltou José Roberto da Costa.

basa
Foto publicada no ac24horas