Justiça bloqueia 670 mil de prefeito do PMDB e ‘Página 20’ mostra um paraíso no Juruá

Como está na moda a mesóclise do governo ilegítimo (um cacique do PMDB), poder-se-ia pensar, talvez, na famosa e extravagante Ilha de Caras.

Não é.

do Página 20:

wagner sales
Fazenda-residência de Wagner Sales, prefeito de Cruzeiro do Sul, segundo o Página 20

A juíza federal Alessandra Gomes Faria Baldini, da Justiça Federal de 1º Grau no Acre, subseção judiciária de Cruzeiro do Sul, em decisão proferida nos autos do processo nº 2446-38.2014.01.3000, acatou ação cautelar ajuizada pelo Ministério Público Estadual em desfavor do prefeito Vagner Sales (PMDB), tornando indisponíveis bens do prefeito, até o total de R$ 670 mil, para garantir ressarcimento de prejuízos causados ao erário.

(…)

O restante da homenagem do ‘Página 20’ ao prefeito Wagner Sales, ajudado por uma decisão judicial, aqui