JV na presidência do senado só justifica se for para barrar votação da PEC 55

jv
Jorge Viana, logo depois de reunião com Renan Calheiros após decisão do STF de afastar Calheiros do Senado (Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil)

Refleti melhor sobre Jorge Viana no cargo de presidente do senado.

O vice-presidente tem pisado em ovos desde que uma canetada do ministro do STF Marco Aurélio Melo tirou do cargo de presidente o senador Renan Calheiros.

Jorge Viana sabe que assumir o comando da casa a esta altura do campeonato pode ser, talvez, o maior desafio de sua vida política.

Cuidadoso, ele tem medido as palavras à imprensa.

Pois, se assumir, tem que fazer a diferença.

E a diferença é impedir que a PEC 55, que levará o país ao agravamento social e econômico, seja retirada de pauta.

Um senador do PT na presidência do senado não pode dar guarida a uma PEC que vai prejudicar o povo brasileiro.

Então, se for para barrar a PEC-55 assuma, JV!

Se não for, dê um jeito de entregar a quem se prestará a esse desserviço ao Brasil.

J R Braña B.