TCU: Oposição não pode impedir Marcus Alexandre de ser governador

Como todos sabem, o DNiT hoje não sofre nenhuma influência do potencial concorrente do prefeito Marcus Alexandre na eleição para o governo do Acre no próximo ano.

Imagina…!

(…)

O Ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União (TCU), determinou que a Tomada de Contas Especial (TCE) do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes que condenou os ex-diretores do Deracre, Marcus Alexandre Viana e Sergio Nakamura sejam revistas novamente. O relator questionou o fato dos gestores não terem tido suas defesas analisadas pelo controle interno do DNIT. Eles haviam sido multados pelo Órgão Federal (órgão federal que a oposição do Acre casa e batiza hoje em dia – J R Braña B.) a devolver R$ 155 milhões por irregularidades em dois convênios envolvendo as obras da BR-364..

(….)

Assim é fácil julgar e condenar.

Traduzindo:

O DNiT (que no Acre virou aparelho da oposição quer porque quer prejudicar o prefeito de Rio Branco e inviabilizar sua candidatura em 2018.

Precisa desenhar mais?

J R Braña B.


Antes publicamos…?



Quer ajudar este blog a se manter?