No boteco: RO é o modelo da oposição para o Acre (vade retro)

# ro acre modelo desenvolvimento

Nem precisa ver o vídeo do Bocalon no boteco do Bob Vaz…

A chamada e o sutiã são autoexplicativos…um amontoado de subjetividades…tapetes, corrupção, sapos, lagartos etcc..ideia? nenhuma!

Ou melhor, uma: Rondônia!

RO

Bocalom, agora seguidor de Bolsonaro (ruim por ruim era melhor ter ficado com o Gripado Agripino) exalta o estado de Rondônia como modelo a ser seguido pelo Acre.

Alguém avise ao Bocalom que Porto Velho, capital do estado dos sonhos da oposição, por exemplo, há 80% de suas residências sem esgoto.

Isso é desenvolvimento?…

Produzir arroz e feijão, para Bocalom, seria uma grande vantagem para o Acre…ka ka ka !!!

Para vender pra quem? Para RO, MT, MS, SP….que ingenuidade…E olha que ele se diz um ‘liberal’!

Vantagem seria, Boca, o Acre produzir processadores de computador e celular…produzir tecnologia para a apple e as outras virem comprar aqui…!

E se jovens do Acre criassem e vendessem programas de tecnologias para as grandes empresas do mundo ou para pessoas físicas neste planeta?? Já pensou nisso, Bocalom? Vendessem soluções para a humanidade…

Que tal se o Acre já tivesse condições de pelo menos sonhar em  desenvolver células troncos para resolver problemas de saúde hoje ainda insolúveis…? Que tal?

Vantagem seria o Acre desenvolver tecnologia local, florestal, indígena (com a Ufac e as outras mantidas pelos alunos do Fies trabalhando duro com seus engenheiros) equipamentos para sua ferrovia estadual…já pensou, Boca, o Acre inteiro ligado por ferrovia?…sem precisar ficar ouvindo os donos do DNiT falando abobrinha o ano todo….

Vantagem será, Boca, no dia que a inteligencia do Acre (e a Amazônia) alcançar vender o ar das nossas florestas ainda preservadas para  sustentar o resto do planeta…e a gente se abanar contra o calor com notas de 100 Euros ou Dólares…isso, sim, será vantagem..!

Bocalom, pensa em Educação….!

O resto é conversa de bar em tempos de campanha eleitoral.

J R Braña B.