Morre Gil Gomes (o rei da crônica policial no rádio )

# gil gomes 78

gil gomes
Gil Gomes (foto: folhapress)

Morreu hoje em São Paulo o apresentador e cronista policial Gil Gomes, aos 78 anos, num hospital da capital paulista…Ele sofria de mal de parkinson.

Quando era adolescente no principado de Sena ouvia muito rádio (até hoje ouço) e Gil Gomes tinha programa na rádio Record, de São Paulo, e no horário de meio-dia até às 15h dava para ouvir em Ondas Curtas…depois já era…só à noite em Ondas Médias.

Então aos 12, 13 anos conheci Gil Gomes…(só a voz, claro)…não havia tv nem em Rio Branco e a gente não tinha ideia do rosto do Gil Gomes…Minha mãe, que tem 79, não gostava da voz carregada do Gil Gomes…ela dizia: ‘esse homem é doido, é?’

Somente na década de 80, já aqui em Rio Branco, com a tv é que vimos mesmo quem era Gil Gomes…ele mudou do rádio para a televisão e aí o Brasil conheceu o seu narrador de contos policiais mais famoso.

Hoje ele foi embora….você pode ver mais detalhes na Folha, aqui, mas deixo um trechinho para matar saudade daquela voz que o Brasil aprendeu a ouvir…

Com vocês, Gil Gomes, aqui agora:

J R Braña B.