Menos Médicos em Sena: sufoco geral sem os cubanos!

# sena menos médicos

sena
Médico cubano em comunidade carente do Brasil; médicos brasileiros não querem ir para locais remotos e pobres

Bem, como era previsto, a saída dos médicos cubanos e a não reposição até o momento complicaram de vez o atendimento nos postos de saúde da prefeitura de Sena Madureira (idem, em todo o Brasil).

Em São Paulo ninguém quer ir para o interior…

No Piauí, de 199 inscritos, apenas 07 apareceram…

No Jordão, aqui mesmo no Acre, um cubano que atendia pelo Mais Médicos foi embora e até hoje não há substituto…o município não tem condições de pagar 15 a 20 mil para um médico….

Mas não era uma questão muito fácil de resolver?

Muitos, às vezes, não compreendem o problema por meio do debate político…é preciso sentir na pele o problema para a ficha cair…

Está caindo.

Em tempo: no Estado mais Bolsonarista do Brasil ninguém reclama do Menos Médicos!!!

J R Braña B.


Gostou desse conteúdo? Ajude a manter oestadoacreclique aqui