GladsonC pede e Tião atende: Aposentadoria Complementar e teto de 5 mil

# aposentadoria complementar acre

pl
GladsonC e Tião Viana: o povo briga entre si e eles se entendem

Quem disse que GladsonC e Tião não trocam figurinhas….?

Gladsonc, que não é bobo nem nada – pediu e o governo atual aceitou enviar projeto de previdência complementar à Assembléia que passaria a valer para os futuros servidores do estado admitidos por meio de concurso público.

Sem isso (projeto de previdência complementar com teto de R$ 5, 6 mil), dizem, não haverá concurso público!

Não foi esse o discurso de campanha!

AgGov

(…)

O PL é baseado no limite máximo de contribuição para o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), hoje no valor de R$ 5.645,80, e será opcional aos novos servidores, que poderão escolher caso tenham remuneração superior a esse valor e busquem garantir os recursos integrais em suas aposentadorias.

A contribuição do patrocinador (Estado) e do participante (servidor) será de até 8,5% do que exceder do limite de R$ 5.645,80. Essa é uma vantagem que poderá ser sentida pelo servidor, pois o Estado também está contribuindo para sua aposentadoria. Caso se escolhesse uma previdência privada, apenas o servidor iria depositar o dinheiro.

(…)

Bem…leia parte de uma nota técnica do Acreprevidência:

(…) Outra situação que trouxe problemas para a previdência acreana foi a desativação, por parte do governo em 1996, do recém criado Fundo Previdenciário e transferindo R$ 41 milhões para o Tesouro Estadual. Esse recurso, hoje, poderia ter rendido para o Acre em torno de R$ 1 bilhão, aplicado diretamente no sistema previdenciário atual (…)

Sabe quem era o governador em 96?

O tio de GladsonC, Orleir Cameli…

Os recursos do Fundo Previdenciário (à época 41 milhões) estavam depositados no Banacre e era a garantia de sobrevivência do banco e mais de mil servidores, inclusive, e de todo o sistema de previdência acreano…

O que aconteceu?

O governo retirou os recursos dos aposentados para pagar outras contas sabe-se lá o quê e….Bingo!

O Banacre quebrou (mil funcionários na rua) e agora, os aposentados correm riscos reais…a conta chegou!

Segundo o Acreprevidência, os rendimentos desses recursos (41 milhões) teriam rendido até hoje mais de 1 Bi.

A imprudência administrativa, para dizer o mínimo, do governo Orleir Cameli pode, enfim, ser desnudada e conhecida de todos no Acre..!

E num outro governo Cameli.

A vida dá muitas voltas né, Azevedo…!?

Em tempo: entenda sobre previdência pública e privada aqui abaixo, antes de cair em esparrela, com o ex-ministro da Previdência Gabas.

J R Braña B.


Gostou desse conteúdo? Ajude a manter oestadoacre…é necessário e democrático uma opinião diferente, sem baixaria, porém livre na imprensa local…clique aqui