CNC: Cai consumo das famílias (BraZil acima de tudo!)

cnc consumo #

CNC (conf nac do comércio)

consumo
Centro-Oeste, região do agronegócio, houve a maior queda no consumo das famílias

Cautelosas, famílias estão menos propícias ao consumo, sobretudo de bens não duráveis, mostra pesquisa da CNC

(…)

(…) O recuo no dado geral deu-se em virtude da queda de quatro dos sete subindicadores da pesquisa: Momento para Duráveis (-2,4%), Nível de Consumo Atual (-1,5%), Perspectiva Profissional (-0,8%) e Emprego Atual (-0,2%).

(…)

“A demora na implementação das reformas (para ferrar ainda mais o trabalhador – J R Braña B.) e do ambiente mais apropriado para investimentos vem ditando o ritmo lento da economia, de maneira que os preços têm-se mantido estáveis. Entretanto, o desemprego continua elevado, e os consumidores já não se apresentam tão otimistas quanto nos últimos quatro meses”, explica Antonio Everton, economista da CNC.

(…)

Regionalmente, as famílias residentes no Norte foram as únicas a demonstrar disposição para incrementar o padrão de gastos (+2,6%), enquanto o pessimismo foi disseminado nas demais regiões brasileiras, com destaque para o Centro-Oeste (-3,8%) (a região do Agronegócio, entendeu? – J R Braña B.)

Por faixa de renda, tanto as famílias com renda acima de 10 salários mínimos quanto aquelas com ganhos até 10 salários mínimos revelaram menor disposição para o consumo (-0,3% e -0,5%, respectivamente).


consumo