Presidente do Equador trai história do país ao entregar Assange à polícia

equador assange #

lenin
Rafael Correa, em pé, ajudou eleger Lenin Moreno, sentado em cadeira de rodas, presidente…este por sua vez rompe com a história do Equador e entrega um asilado político que estava dentro de sua embaixada há quase 7 anos.

Lenin Moreno, eleito com apoio do ex-presidente Rafael Correa e da esquerda equatoriana, trai a história do Equador ao encerrar o asilo político do ativista do WikiLeaks, Julian Assange, e entregá-lo à polícia secreta do Reino Unido.

O próprio embaixador do Equador em Londres teria chamado a policia para agarrar Assange dentro da Embaixada…inacreditável!

Julian Assange, que revelou pelo Wikileaks informações secretas de interesse público de governos pelo mundo (inclusive a espionagem de Dilma e a da Petrobras por agências dos EUA) gritou:

-Temos que reagir!

Lenin, olha o nome desse presidente do Equador…!

Nunca será um Vladimir!

Assange em cinco momentos…:


J R Braña B.


dinheiro


aki taxi