Emprego em novembro: GladsonC 100% pior que Tião Viana

emprego caged #

emprego
Gov GladsonC e o ex-governador Tião Viana

No penúltimo mês (Novembro/2018) do mandato do então governador Tião Viana (PT), o saldo negativo de empregos no Acre foi de 304 postos de trabalho perdidos.

Neste novembro 2019, do governador GladsonC, esse número cresceu 100% (101.6% exatos) em relação ao ano anterior. O Acre perdeu 613 postos de serviços.

Rio Branco é a campeã negativa com 519 demissões; Cruzeiro, 50; Feijó, 02, enquanto Sena e Tarauacá fecharam 13 postos de trabalho, segundo o Caged, órgão do ministério do trabalho.

caged

No Ano 

Admissões: 23.406

Demissões: 22.568

Saldo: 838 (variação 1,26%)

Nos últimos 12 meses

Admissões: 24.799

Demissões: 24.752

Saldo: 47 (variação 0,07%)

emprego


Cruzeiro e Tarauacá superam Rio Branco (jan-nov 2019)

No Ano

Cruzeiro: 500 (8,77%)

Feijó: -18 (-1,69%)

Rio Branco: 201 (0,36%)

Sena: -49 (-2,34%)

Tarauacá: 204 (19,58%)


Nos últimos 12 meses (nov/2018-nov/2019)

Cruzeiro: 461 (8,03%)

Feijó: -21 (-1,97%)

Rio Branco: -544 (-0,95%)

Sena: -54 (-2,57%)

Tarauacá: 205 (19,69%)

Uma das potenciais alavancas de emprego, a construção civil, nos últimos 12 meses demitiu mais que empregou…o saldo negativo é de -2,52% (com -161 postos de trabalho perdidos).

O melhor desempenho (se é que se pode chamar de desempenho) é o comércio, com variação de 0,73% (com saldo de 179 postos de trabalho)


Outros dados do Caged: 

Pior novembro do governo Tião Viana foi em 2016, com -1007 postos de trabalho perdidos (auge da crise com a presidenta Dilma já retirada do cargo por meio de um golpe parlamentar-judicial-midiático)

Melhor novembro de emprego celetista do governo Tião Viana foi em 2013, com 16 postos de trabalho.

(fonte: caged)

J R Braña B. 


Ative o sininho e receba as notificações de oestadoacre