Marcelo Adnet: ‘Muito obri….gado’ (v)