Hoje: A Educação liberta (todos nas ruas!)