Horário velho: vitória do atraso

A partir deste domingo o horário do Acre em relação a Brasília será de -3h de diferença. Uma vitória  dos partidos de oposição, que brigaram no Congresso Nacional para que o horário antigo voltasse a prevalecer.

A alegação das lideranças da oposição foi de que ‘a vontade do povo’ devia ser respeitada, pois houve um Referendo que determinava a volta do horário velho. A polêmica, no entanto, está longe de acabar. O Acre descobriu (inclusive os que antes pensavam diferente) que aproximar o horário do restante do Brasil é bom e ajuda o Estado em todos os sentidos.

A próxima batalha por um horário mais justo para o Acre não acabou.

[Aos leitores: o sítio oestadoacre.com passa por ajustes no sistema interno e o seu layout ainda não é o definitivo]