Situação de Emergência do Acre é assunto nos ministérios em Brasília

Em agenda em Brasília nesta quinta-feira, 6, o governador Tião Viana se encontrou com o ministro-chefe da Casa Civil, Aloizio Mercadante, que garantiu total apoio do governo federal à situação emergencial que o Acre se encontra nos últimos dias, tendo em vista o isolamento do estado devido à cheia do Rio Madeira. As águas do rio cobriram a BR-364 entre Rio Branco e Porto Velho, único acesso terrestre do Acre ao restante do Brasil.

O ministro garantiu a continuidade do apoio incondicional da Defesa Civil Nacional, principalmente por meio da Força Aérea Brasileira (FAB), que tem disponibilizado aeronaves para o transporte de alimentos. Além disso, a Casa Civil da Presidência estará em parceria com o Ministério da Agricultura para agilizar o processo de importação de hortifrutigranjeiro e trigo do Peru. O governo federal irá aumentar o efetivo na aduaneira da fronteira e estuda a possibilidade de diminuir o processo burocrático por 30 dias, por meio de decreto.

Na ocasião, o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que também esteve presente ao encontro, prometeu ações com relação à situação dos haitianos que entram no Acre pela fronteira com o Peru e ocupam a cidade de Brasileia.

[divulgação]