Mil homens nas ruas e uma novidade neste fim de ano: a ‘Operação Stop’

Mil homens nas ruas e uma novidade neste fim de ano: a ‘Operação Stop’

Criada especialmente para o fim do ano, a operação começou com um mero aumento no policiamento do Centro da capital e hoje cresceu, concentrando diversas ações em todo o Estado. Na manhã desta sexta-feira, 18, o comando da Polícia Militar apresentou em sua sede seu plano de ações para a operação deste ano, que começa na próxima segunda-feira, 21, e vai ate o dia 3 de janeiro.

operacao_papai_noel_2011_foto_gleilson_miranda_01O efetivo disponibilizado será  de 1.000 homens a cada dia durante a primeira fase e 1.300 durante a segunda. Segundo o subcomandante da Polícia Militar, coronel Paulo César, o principal objetivo é combater os delitos que surgem nessa época do ano em que há maior circulação de dinheiro devido aos pagamentos de novembro, dezembro, além do 13° salário.

Várias ações da Polícia Militar serão incorporadas à Operação Papai Noel deste ano. Entre elas temos o reforço do policiamento nas áreas comerciais, saturação descentralizada, madrugada segura nos bairros residenciais com maior numero de furtos, além da operação de trânsito Álcool Zero, Operação Boêmia para fiscalizar estabelecimentos que vendam bebidas alcoólicas e fiscalização dos 560 reeducandos que ganharão a liberdade provisória durante o Natal só na capital do Estado.

A novidade deste ano será a ‘Operação Stop’, que pode ser desencadeada a qualquer momento com o fechamento das principais vias da cidade e do Estado em crimes de grande repercussão. A Polícia Militar também irá agir preventivamente em todas as áreas do Estado com ações, operações e campanhas de autoprevenção com o objetivo de proporcionar e manter a segurança da população.

A Operação Papai Noel existe há 17 anos.