DST/Aids prepara ação especial para o Dia dos Namorados dirigida a jovens

DST/Aids prepara ação especial para o Dia dos Namorados dirigida a jovens

Impulsividade, pressa, rebeldia, vulnerabilidade ao uso do álcool, dúvidas. Comportamentos típicos da juventude podem ser os responsáveis pelo aumento da incidência de contaminação de doenças sexualmente transmissíveis e Aids entre os jovens de todo o país.

capaaidsO Departamento de DSTs/ Aids da Secretaria de Estado de Saúde, em parceria com o projeto Saúde e Prevenção na Escola e os departamentos de Saúde Mental e Atenção Básica, promove em 12 de junho, Dia dos Namorados, a ação “Fique Sabendo”.

A ação de cunhopreventivo está de olho nesse público-alvo, que vai de 14 a 30 anos, a maior faixa atingida pela doença desde 1987, segundo dados da Vigilância Epidemiológica do DST/Aids do Estado .

Durante todo o dia 12, as equipes distribuirão preservativo e gel lubrificante, e irão ofertar o teste rápido de HIV em posto localizado em frente ao prédio da Sesacre. O projeto Saúde e Prevenção na Escola trabalha com jovens estudantes das escolas públicas de ensino médio do Estado, com foco na conscientização para o uso de camisinha nas relações esporádicas.

“O projeto não está nas escolas para estimular a prática do sexo. É preciso que a sociedade compreenda que o nosso papel é orientar sobre a prevenção das doenças sexualmente transmissíveis para evitar que os números aumentem”, disse Marília Carvalho, enfermeira e técnica do departamento de DST/Aids da Sesacre. Ela alerta que o usuário precisa ter alguns cuidados para que o preservativo possa cumprir seu papel na prevenção, como revestir corretamente o pênis e buscar o tamanho adequado.

As camisinhas distribuídas no Acre – tanto em livre demanda na rede de atenção básica no dia-a-dia como em ações programáticas realizadas pela coordenação estadual de DSTs – são confeccionadas em dois tamanhos: os de 52mm para adultos,  da empresa Natex, localizada em Xapuri, e os de 49mm para adolescentes, disponibilizados pelo Ministério da Saúde. “Não adianta colocar três preservativos. É preciso usar corretamente e do tamanho certo”, lembrou a enfermeira.

Teste rápido – No mesmo formato dos testes de glicemia, que exige apenas uma pequena punção no dedo para a coleta de sangue, o teste rápido de HIV oferece resultado rápido, sendo cem por cento confiável. Uma equipe multidisciplinar composta por psicólogo, assistente social e enfermeiro estará durante toda a ação dando suporte de aconselhamento para os casos que se confirmarem positivos.  O resultado é sigiloso e o tratamento, em caso positivo, é ofertado gratuitamente pela rede pública de saúde por meio do Serviço de Atendimento Especializado (SAE).

Entre 1987 e 2012 foram notificados 617 casos de Aids, com registro de 226 óbitos no Acre. Rio Branco e os municípios de Sena Madureira e Cruzeiro do Sul foram os que mais apresentaram casos da doença. Além de jovens, outros grupos que merecem atenção e estão no foco das ações de prevenção são os de homens casados e idosos.