Jorge pede 30 milhões a Dilma para socorrer Estado (enquanto isso Oposição brinca no Facebook)

O senador Jorge Viana esteve hoje com a presidenta Dilma Rousseff.

Foi pedir socorro.

Rio Branco e vários municípios estão em calamidade pública.

Dilma determinou que o ministro da Integração retorne amanhã para o Estado.

Quer o ministro molhando os pés, trabalhando.

Enquanto isso a oposição brinca no Facebook de alagação….

J R Braña B.

 

Jorge Viana:

jv dilma e mercadante

Acabei de ter uma audiência aqui em Brasília com a presidente Dilma e o chefe da casa civil, ministro Mercadante, sobre a grave situação que o nosso estado e alguns municípios, entre eles a nossa capital, enfrentam. É um estado de calamidade decretado em Brasileia e em Rio Branco. Nunca tivemos uma cheia nessa proporção nesses municípios. O sofrimento não é menor em Xapuri. São mais de 85 mil pessoas atingidas. Milhares de famílias sem ter como voltar para casa. Parte das cidades destruídas pelas águas. O governador Tião tem feito o possível e o impossível para ajudar. O prefeito Marcus Alexandre, com uma enorme equipe, com muitos voluntários, tenta vencer as dificuldades em Rio Branco. Ontem à noite, fiz uma reunião técnica dentro do Parque de Exposição com o prefeito e tomei a decisão de voltar para Brasília e ter uma audiência com a presidente da republica para ter mais apoio. Em entendimento com o governador Tião, apresentei aqui em Brasília hoje cedo um pedido de mais ajuda.

A presidente Dilma me recebeu agora à tarde no Palácio e ligou para ministros, falou com a presidente da Caixa Econômica Federal, e pediu que eu transmitisse a todos do Acre o seu incondicional apoio e solidariedade nessa hora de sofrimento que as famílias acreanas vivem. Eu pedi que fosse liberado em caráter excepcional, para o governo e para a prefeitura, 30 milhões de reais para fazer frente aos estragos provocados pela cheia do Rio Acre. Nessa hora, devemos nos concentrar no socorro e no acolhimento das vítimas da cheia. O caro será a reconstrução de nossas cidades e, especialmente, da vida das pessoas e de muitas famílias.

A presidente Dilma determinou ao ministro da Integração, Gilberto Occhi, que volte ao Acre imediatamente para tratar com o governador Tião e o prefeito Marcus Alexandre dos detalhes da liberação dos recursos necessários por parte do governo federal. Ainda hoje à noite terei uma audiência com o ministro Gilberto Occhi organizando essa volta dele ao Acre. Aproveito para agradecer à presidente Dilma pelo apoio e parabenizar a todos que estão ajudando, artistas, voluntários, e todos que de alguma maneira encontram um jeito de reunir donativos, depositar algum dinheiro na conta e praticar esse gesto tão bonito que é o da solidariedade. O Acre já venceu muitos desafios. E vencerá mais esse, com a nossa união e trabalho.

Jorge Viana