Projeto garante Gov descontar e repassar contribuição de trabalhador a sindicato (v)

projeto sindicato aleac #

edvaldo
Dep Edvaldo Magalhães, autor do projeto que protege o direito dos sindicatos serem financiados pelos seus associados

Jair Bolsonaro, em âmbito nacional,  baixou decreto (inconstitucional) dificultando que trabalhadores sindicalizados possam ter descontada, mesmo com autorização, sua contribuição para o sindicato a qual é filiado.

O capitão quer (?) que o trabalhar pague o seu sindicato todo mês em boleto bancário…percebe a maldade?

Hoje na Aleac, o deputado Edvaldo Magalhães (autor da Lei que instituiu eleições diretas para diretores de Escolas no Acre) deu entrada em projeto que garante que os servidores trabalhadores sindicalizados sigam sendo descontado pelo Estado suas mensalidades e repassadas ao sindicato originário.

Espera-se que a maioria dos deputados vote pela aprovação do projeto, que ajuda a fortalecer a luta das entidades sindicais no Acre.

Em tempo: o governo poderia se adiantar e orientar a sua base para que aprove imediatamente esse projeto em favor dos servidores públicos e suas entidades de classe….GladsonC ganharia politicamente também.

Em tempo 2: percebe a importância de eleger parlamentares comprometidos com a luta dos trabalhadores?

projeto
Vídeo com o autor do projeto, dep Edvaldo Magalhães, abaixo:

J R Braña B.


dinheiro