Estrelão é novo campeão do Acre

Numa partida eletrizante, marcada por lances de pura emoção, o Rio Branco derrotou o Atlético por 3 a 2, nos pênaltis, na noite de terça-feira, 10, no Estádio Arena da Floresta, e ficou com o título do Campeonato Acreano 2014. O público pagante foi de R$ 3.678 e a renda do jogo somou quase R$ 21 mil.

1º tempo

Em busca de quebrar um jejum de 23 anos sem título e empurrado por sua torcida, o Atlético partiu para o ataque. Até que aos 12 minutos do primeiro tempo, falta na entrada da área. Ley bateu com extrema categoria acertando o ângulo e fazendo Atlético 1 a 0.

O Estrelão quase empatou aos 16 minutos com Adriano, que perdeu. Mas quem marcaria novamente seria o Galo. Aos 35 minutos o atacante Juliano César chutou e no rebote do goleiro Nei não perdoou. Atlético 2 a 0. Placar do primeiro tempo.

2º tempo

Logo no início da etapa final, Wilian Saroé acertou a trave do Atlético. Empurrado ppr sua torcida, o Rio Branco buscou a reação. Aos 15 minutos da etapa final, Adriano Louzada, artilheiro do time na competição, fez o primeiro do Estrelão: 2 a 1.

Falha incrível

O técnico João Carlos Cavalo promoveu as entradas de Polaco e Neto. As mudanças deixaram o Rio Branco mais ofensivo. Aí veio o lance mais inusitado do jogo. Num recuo de bola o goleiro atleticano Máximo tentou ganhar tempo, e quando foi segurar a bola, o lateral Sander foi mais esperto. Ele tomou a bola e tocou para as redes. Era o empate: 2 a 2.

Prorrogação

Sem vantagem as duas equipes foram para a prorrogação com ares de dramaticidade. O Atlético poderia ter “matado” o jogo aos 10 minutos. O atacante Juliano César livre na área chutou e o goleiro defendeu. Final, Rio Branco 0 x 0 Atlético.

Pênaltis

Na cobrança de pênaltis, o Atlético converteu a primeira com Ciel. Polaco desperdiçou para o Rio Branco. Ismael perdeu a segunda penalidade do Galo. Cássio também desperdiçou para o Atlético. Marquinhos Costa errou a cobrança e Willian Saroé empatou a disputa em 1 a 1.

Luciano desperdiçou para o Galo. Neto colocou o Estrelão em vantagem: 2 a 1. Ley empatou a disputa: 2 a 2. Adriano perdeu para o Rio Branco. Nei pegou a cobrança de Juliano César e Rodrigo marcou o gol da vitória. Final de jogo, Rio Branco (campeão) 3 x 2 Atlético.

Premiação

O secretário adjunto de Esporte, Petronilo Lopes, fez a entrega das medalhas ao campeão. Já o presidente da Federação Acreana de Futebol, Antônio Aquino, disse que esse foi um dos melhores estaduais dos últimos anos.

“Toniquim” entregou ao capitão do Rio Branco, Adriano Louzada, uma réplica do Palácio Rio Branco, o troféu está avaliado em R$ 10 mil. Depois os jogadores, diretoria e torcedores do “Mais Querido” comemoraram a conquista de mais um título.     

Copa do Brasil

Com o título estadual, o Estrelão conquista também a vaga na primeira fase da Copa do Brasil em 2015. O clube também será o representante do Acre na Copa Verde do ano que vem. Já o Atlético, segundo colocado, estará na pré-Copa do Brasil de 2015.

[agana – foto: gleisonmiranda]