Marcação cerrada no Min dos Transp e Dnit pelas BRs do Acre

Marcação cerrada no Min dos Transp e Dnit pelas BRs do Acre

 

J R Braña B. – 

 
O governo do Acre gasta um tempo precioso pressionando o governo federal e seus ministros para que as rodovias principais do Acre não se deteriorem completamente.

É um trabalho sem fim.

Como também é um trabalho sem fim os serviços de manutenção das rodovias no Acre por conta do solo que todos nós sabemos como é.

Porém, parece que o ministério dos transportes e o Dnit não enxergam o Brasil inteiro.

É preciso alguém tá mostrando a eles diariamente o que é preciso fazer.

Não há e nunca houve, é o que se comprova, uma política constante de manutenção e recuperação das estradas do Brasil, especialmente no Norte e mais especialmente ainda no Acre.

Só com muita viagem a Brasilia, dezenas de encontros, muita pressão e muita conversa no pé-do-ouvido é que as coisas andam mais ou menos.

É sempre um grande sacrifício conseguir alguma coisa para o Acre.

PS – a empresa Castilho precisa cumprir o que foi acordado e concluir a obras de recuperação do trecho de Sena-Rio Branco (e recuperar os estragos que o período de chuva já fez neste ano).

PS 1 – e o Dnit tem que exigir  essa providência…Ou vão esperar que o governo do Acre também vá fazer isso?

J R Braña B.

ministro dos transportes
AgGov

Romerito Aquino

Tião Viana tem agenda positiva com Ministério e Dnit sobre BRs 364 e 317

Em mais uma passagem pela capital federal, o governador Tião Viana manteve reuniões com o ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues, e dirigentes do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit), para conversar sobre os trabalhos de recuperação das rodovias federais BR-364 e BR-317.

A exemplo do que fizera na sexta-feira passada, quando percorreu a BR-364 com o diretor-executivo do Dnit, Gustavo Adolfo Andrade, o governador foi a Brasília dividir experiências com as maiores autoridades no setor de transporte do país sobre o trabalho de recuperação da maior rodovia federal do Estado.

Acompanhado dos deputados federais Leo de Brito (PT) e César Messias (PSB), que também estiveram na inspeção técnica da semana passada na BR-364, o governador se encontrou com o ministro e o seu secretário-executivo, Edson Giroto, para solicitar urgência no início dos trabalhos de recuperação da rodovia, aproveitando o curto período do verão que já chegou à região acreana.

Do Ministério dos Transportes, Tião Viana seguiu para o Dnit, para conversar com o diretor-geral do órgão, Valter Casimiro, o diretor-executivo Gustavo Andrade, o superintendente em Rondônia e no Acre, Fabiano Cunha, e outros dirigentes. Ali, o governador falou de suas experiências nos trabalhos de recuperação e manutenção da BR-364 nos quatro primeiros anos de seu governo.

“Foram audiências muito positivas no ministério e no Dnit sobre a BR-317 e a BR-364, que está passando por uma nova etapa de reconstrução. São rodovias que precisam de ajustes permanentes. Como o Dnit assumiu as obras da BR-364, a rodovia agora vai fluir no comando do órgão. Vim aqui dividir as experiências que acumulamos nos últimos anos”, assinalou o governador.

Os deputados César Messias e Leo de Brito enalteceram e importância das duas rodovias para o desenvolvimento econômico e social da população acreana e solicitaram ao ministro e à direção do Dnit que concedam toda a prioridade possível para a execução das obras de recuperação das duas rodovias ainda neste verão amazônico.

Tião Viana com o secretário Nacional de Saneamento (Foto: Romerito Aquino)

Acompanhado da representante do governo do Acre em Brasília, Glaycy Lamoglia, o governador Tião Viana também se encontrou com o secretário Nacional de Saneamento, Paulo Ferreira, do Ministério das Cidades, com quem tratou da execução de obras de urbanização nos bairros Ouricuri, João Eduardo, Placas e Habitasa fase 2, previstas no Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), do governo federal.