LDO do golpista aprovada no Congresso congela por 20 anos investimentos na saúde e educação

E foi na calada da noite.

congresso
Foto: agencia câmara

No vermelho

O líder do PCdoB na Câmara, deputado Daniel Almeida (BA), em discurso no plenário, afirmou que “essa proposta de LDO traz algo absolutamente inconveniente, danoso para os interesses do Estado brasileiro. Propõe-se congelar gastos, despesas com educação, com saúde, com segurança pública num Estado que tem necessidade, é demandado para oferecer e ampliar esses serviços à sociedade. Isso é absolutamente desnecessário, inconveniente e contra os interesses da Nação brasileira”, avaliou, anunciando o voto obstrução e exigindo que o tema fosse melhor debatido entre os parlamentares e com a sociedade.

(…)

Inconstitucional

O líder do PT na Câmara, deputado Afonso Florence (BA), também denunciou que os parlamentares que votaram a favor desse projeto de LDO estão tirando dinheiro da saúde e da educação para dar a banqueiros. “É por isso que a votação tem que ser na calada da noite, porque não querem que o povo saiba o que está acontecendo. Mas nós vamos denunciar. Essa LDO traz a aberração de votar já no orçamento do ano que vem algo que não tem sustentação constitucional. Esse é um golpe de curto prazo, e a PEC 241 é de longo prazo, porque golpista gosta de golpe de qualquer natureza”, atacou Florence.

(…)